No último dia 22 de agosto, foi realizada nas dependências das FIMI, a Oficina Cinema, Política e História. Foram exibidos diversos curtas como: Através; Um samba para São Mateus e Quase Consolação, produzidos por Juliano Castro, que foi selecionado em primeiro lugar pelo governo brasileiro para estudar Cinema na conceituada Escola Internacional de Cinema e TV – EICTV em Cuba.

A atividade contou com a presença do professor Marcos Ferreira, que após a exibição dos curtas pôde tecer comentários sobre História e Cinema, visto que a sétima arte utiliza-se, também, da oralidade e memória para sua construção.

O debate foi enriquecido pelo grande número de pessoas que acompanharam e participaram do evento e puderam comentar, questionar e analisar os curtas apresentados convergindo com o estudo da História.